Categorias: G1

EUA têm nova jornada de protestos contra o racismo; cidades prolongam toque de recolher

Manifestações se espalharam pelo país após morte de George Floyd em ação policial. Mãe e filha deixam flores em memorial dedicado a George Floyd em Minneapolis, nos EUA, neste domingo (31) John Minchillo/AP Photo Manifestantes voltaram às ruas na...


Manifestações se espalharam pelo país após morte de George Floyd em ação policial. Mãe e filha deixam flores em memorial dedicado a George Floyd em Minneapolis, nos EUA, neste domingo (31) John Minchillo/AP Photo Manifestantes voltaram às ruas nas principais cidades dos Estados Unidos neste domingo (31), em mais um dia de protestos contra o racismo após a morte do ex-segurança George Floyd. Após uma noite de confrontos, alguns dos centros urbanos norte-americanos decretaram ou prolongaram toque de recolher. Ao menos cinco pessoas morreram desde o início dos protestos, na semana passada, segundo o jornal "The New York Times". Outras centenas de pessoas foram detidas nas várias cidades onde houve protestos. Nesta tarde, a maioria dos protestos ocorria de maneira pacífica. Na capital Washington, centenas de pessoas se dirigiram à Casa Branca, sede do poder dos EUA. De acordo com a agência Associated Press, o ato não teve confrontos até a última atualização desta reportagem. Manifestantes protestam em Washington, nos EUA, neste domingo (31) em atos contra o racismo Erin Scott/Reuters Como nos últimos dias a maior parte dos tumultos ocorreram durante à noite, mais de 20 cidades como Los Angeles e Atlanta terão toque de recolher em toda a área urbana ou em parte delas. Minneapolis, onde ocorreu a morte de Floyd e protestos tensos há quase uma semana, também continuará sob toque de recolher. Protesto contra o racismo após morte de George Floyd toma praça em Filadélfia, nos EUA, neste domingo (31) Jose F. Moreno/The Philadelphia Inquirer via AP Militares da Guarda Nacional também atuarão nas cidades onde houver maior tensão, a pedido de governadores. No sábado, o presidente Donald Trump disse que as forças dos EUA estariam "de prontidão" caso precisassem intervir nos protestos. Pelas redes sociais, Trump parabenizou a atuação da Guarda Nacional nos protestos e criticou a mídia e o movimento antifascista "Antifa". Em tuíte, ele disse que irá designar o Antifa como uma "organização terrorista". VEJA TAMBÉM: Entenda os protestos nos EUA após a morte de Floyd Protestos pelo mundo Protesto antirracista em Londres, Reino Unido, neste domingo (31) John Sibley/Reuters A onda de protestos antirracismo se espalhou pelo mundo — foram registrados atos na Europa, no Canadá e, inclusive, no Brasil. No Rio de Janeiro, manifestantes organizaram a passeata "Vidas Negras Importam" em frente à sede do governo. Houve tumulto. Nas redes sociais, celebridades também se manifestaram contra o racismo: famosos como Beyoncé, Oprah Winfrey, Rihanna, Taylor Swift e Lady Gaga pediam justiça pela morte de George Floyd. Morte de George Floyd Policial foi filmado com o joelho sobre o pescoço de George Floyd AFP/Facebook / Darnella Frazier George Floyd morreu no dia 25 de maio, depois de ser asfixiado por 8 minutos e 46 segundos pelo policial branco Derek Chauvin em Minneapolis, no estado de Minnesota. Na sexta-feira (29), Chauvin foi detido e acusado de homicídio. Documentos obtidos pela rede americana CNN mostram que a fiança do policial foi estabelecida em US$ 500 mil (cerca de R$ 2,7 milhões). Mulher de policial acusado de matar George Floyd pede divórcio Segundo a acusação contra Chauvin, ele manteve seu joelho sobre o pescoço de Floyd durante os 8 minutos e 46 segundos, sendo que nos últimos 2 minutos e 53 segundos o homem, negro, já estava inconsciente. A autópsia informou, entretanto, que não houve "nenhum achado físico que apoie o diagnóstico de asfixia traumática ou estrangulamento". No entanto, o efeito conjunto de George Floyd ter sido asfixiado mais suas condições de saúde pré-existentes e a possibilidade de haver substâncias intoxicantes em seu corpo "provavelmente contribuíram para sua morte", de acordo com a acusação. 5 fatos: entenda o caso Floyd Initial plugin text

G1

Leia Também:
Compartilhar

Deixe seu comentário

Postagens recentes

Rússia diz estar pronta a congelar número de ogivas por um ano para prorrogar acordo com EUA

A Rússia anunciou nesta terça-feira que está pronta para congelar o número total de ogivas…

9 minutos Atrás

Palmeiras vive dia decisivo para fechar com Miguel Ramirez

Sem técnico desde a demissão Vanderlei Luxemburgo, o Palmeiras trabalha para viabilizar a ...

11 minutos Atrás

Com experiência de sobra, Räikkönen é aposta de baixo risco para Alfa Romeo em 2021

Kimi Räikkönen está próximo de confirmar a permanência na Fórmula 1 por mais um ano.…

12 minutos Atrás

Produção da BHP registra expansão anual de 2% no 1º trimestre fiscal

A BHP informou que sua produção total em base equivalente de cobre subiu 2% em…

14 minutos Atrás

Com impasse fiscal nos EUA, covid e Brexit, mercados internacionais têm manhã instável

As Bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam sem direção única nesta terça-feira, 20, em…

15 minutos Atrás

Estrela de ‘Dity Dancing’, Jennifer Grey compartilha treino na internet

Jennifer Grey ficou famosa nos anos 80 ao interpretar Baby no filme ‘Dirty Dancing; Ritmo…

15 minutos Atrás

Bolsas da Ásia fecham mistas com incertezas sobre pacote fiscal nos EUA

As bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam sem direção única nesta terça-feira, em meio…

16 minutos Atrás

História real

Estreia nesta terça, às 22h, na HBO, o documentário Wild Card: The Downfall Of a…

17 minutos Atrás

Felipão estreia diante do Operário-PR com missão de reerguer o Cruzeiro

Luiz Felipe Scolari é a grande e última esperança de o Cruzeiro ainda ter o…

17 minutos Atrás

Mario Götze e sua volta ao futebol: "Olha eu aqui de novo"

Deixando de lado cobranças na Alemanha, herói da Copa de 2014 migra para o futebol…

19 minutos Atrás

Trump e Biden terão microfones silenciados em segundo debate

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o candidato democrata à Casa Branca, Joe…

22 minutos Atrás

Bolsas da Ásia fecham mistas com incertezas sobre pacote fiscal nos EUA

As bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam sem direção única nesta terça-feira, em meio…

26 minutos Atrás

Trump e Biden terão microfones silenciados em segundo debate

WASHINGTON, 20 OUT (ANSA) – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o candidato…

27 minutos Atrás

Alberto sequestra os filhos de Ester e faz a cabeça de Samuca contra Cassiano: “Ele não é uma boa companhia”

Samuca (Vitor Figueiredo) se tornará presa fácil de Alberto (Igor Rickli) nos próximos capítulos de…

29 minutos Atrás

Moderna diz que governo dos EUA pode autorizar uso emergencial de sua vacina

O presidente-executivo da Moderna, Stéphane Bancel, disse que o governo dos EUA poderia autorizar o…

31 minutos Atrás

Jeff Bridges ganha apoio de famosos após revelar linfoma

Jeff Bridges revelou na noite de segunda-feira (19) que descobriu um linfoma e ganhou mensagens…

35 minutos Atrás

Se for escolhida para 5G, Huawei terá dados do País, diz conselheiro d

O conselheiro de Segurança dos Estados Unidos, Robert O'Brien, disse que se o Brasil escolher…

37 minutos Atrás

Com reservas, Athletico-PR visita Peñarol buscando empate pelo 1° lugar do grupo

O Athletico-PR conseguiu se dar bem no grupo mais embolado da Copa Libertadores e garantiu…

37 minutos Atrás

ONG denuncia ‘censura indireta’ a jornalistas no Brasil

As ações do presidente Jair Bolsonaro e aliados tornam o ‘ambiente de trabalho dos jornalistas…

39 minutos Atrás

China: PBoC mantém taxas de juros de referência inalteradas pelo 6º mês seguido

O Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) decidiu nesta terça-feira (20) manter…

40 minutos Atrás

Whats Notícias, usa os cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.