Categorias: G1

Isolamento é prorrogado em Alagoas até 10 de junho

Fiscalização será mais rígida, e as multas para quem descumprir medidas variam entre R$ 5 mil e R$ 50 mil. O Governo de Alagoas publicou neste domingo (31) um novo decreto emergencial, que prorroga até 10 de junho as medidas restritivas para diminuir...

Fiscalização será mais rígida, e as multas para quem descumprir medidas variam entre R$ 5 mil e R$ 50 mil. O Governo de Alagoas publicou neste domingo (31) um novo decreto emergencial, que prorroga até 10 de junho as medidas restritivas para diminuir o contágio do novo coronavírus. A publicação saiu em edição extraordinária do Diário Oficial do Estado. As regras permanecem as mesmas, e o decreto pode ser prorrogado ao final desse período. O decreto também aumenta o rigor da fiscalização em Maceió e região metropolitana, e em Arapiraca. Essas ações foram intensificadas desde a última prorrogação. O patrulhamento e as abordagens identificam casos de desobediência e de descumprimento às medidas restritivas de circulação e atividades comerciais. As multas para quem descumprir as medidas podem variar entre R$ 5 mil (pessoa física) e R$ 50 mil (pessoa jurídica) por dia. A população poderá fazer denúncias através dos números 181 ou 190, em casos de flagrantes. As aulas presenciais em escolas das redes pública e particular, universidades e faculdades também ficam suspensas até o dia 10. Permanecem suspensos o passe livre de estudantes e a gratuidade dos idosos nos transportes públicos em todo o estado. As regras para utilização do transporte coletivo e estabelecimentos comerciais autorizados permanecem as mesmas. Permanecem fechados os seguintes estabelecimentos: bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres; museus, cinemas e outros equipamentos culturais, públicos e privados; templos, igrejas e demais instituições religiosas, permitindo seu funcionamento interno; academias, clubes, centros de ginástica e estabelecimentos similares; lojas ou estabelecimentos que pratiquem o comércio ou serviços de natureza privada; shoppings centers, galerias, centros comerciais e estabelecimentos congêneres, salvo supermercados, farmácias e locais que prestem serviços de saúde no interior dos referidos estabelecimentos; eventos e exposições; qualquer atividade de comércio nas ruas, praias, lagoas, rios e piscinas públicas, praças ou outros locais de uso coletivo e que promovam a aglomeração de pessoas, como bancas e barracas de vendas de alimentos nos logradouros públicos; operação do serviço de transporte rodoviário intermunicipal de passageiros, regular e complementar, bem como os serviços de receptivos. o acesso as praias, ao calçadão das avenidas beira-mar, a beira rio, a lagoas e praças, para prática de qualquer atividade; a permanência das pessoas em ruas e logradouros públicos (praças, alamedas, entre outros), para evitar aglomerações, nesse sentido devendo ser interrompidas reuniões para prática de quaisquer atividades sociais, esportivas ou culturais, ressalvando o direito de ir e vir da população, desde que estejam utilizando máscaras; o estacionamento de veículos nas ruas, faixas beira-mar, beira rio, lagoas e praças, ressalvando a situação das pessoas com residência em torno dos locais mencionados, além dos estabelecimentos que não estejam com seu funcionamento suspenso. Estabelecimentos como padarias, lojas de conveniência, supermercados, açougues, peixarias e estabelecimentos de alimentos funcionais e suplementos podem funcionar. Nestes casos, continua proibido o consumo de alimentos no interior desses locais. Bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos similares que funcionem no interior de hotéis, pousadas, hospitais, clínicas e postos de combustíveis podem permanecer com atendimento apenas para público interno. Já os restaurantes e lanchonetes poderão continuar funcionando com serviços de entrega, inclusive por aplicativo, e na modalidade “Pegue e Leve”, sendo expressamente proibido o consumo no local. É permitido o funcionamento: órgãos de imprensa e meios de comunicação e telecomunicação em geral; serviço de call center; estabelecimentos médicos e odontológicos, hospitalares, laboratórios de análises clínicas, farmacêuticos, clínicas de fisioterapia e de vacinação, psicólogos, terapia ocupacional, fonoaudiólogos, para serviços de emergência ou consulta com hora marcada, e as óticas; distribuidoras e revendedoras de água e gás; distribuidores de energia elétrica; serviços de telecomunicações; segurança privada; postos de combustíveis; funerárias; estabelecimentos bancários e lotéricas; clínicas veterinárias e lojas de produtos para animais, lojas de plantas, serviços de jardinagem e lojas de defensivos e insumos agrícolas e animais; lojas de material de construção e prevenção de incêndio; indústrias, bem como os respectivos fornecedores e distribuidores; lavanderias, lojas e estabelecimentos de produtos sanitizantes e de limpeza, e demais do segmento vinculado a área de limpeza  oficinas mecânicas, lojas de autopeças, e estabelecimentos de higienização veicular, com hora marcada e sem aglomeração de pessoas; papelarias, bancas de revistas e livrarias; estabelecimento de profissionais liberais (arquitetos, advogados, contadores, corretores de imóveis, economistas, administradores, corretores de seguros, publicitários, entre outros), desde que ocorra com hora marcada e sem aglomeração de pessoas e disponibilização de álcool gel 70% (setenta por cento) para clientes e funcionários; concessionárias e revendedoras, de carros e motos, seguindo as normas estabelecidas pelo Departamento Estadual de Trânsito – DETRAN/AL, por meio de portaria de seu Diretor Presidente; lojas de tecidos e aviamentos, facilitando a fabricação de máscaras. Initial plugin text

G1

Leia Também:
Compartilhar

Deixe seu comentário

Postagens recentes

A Fazenda 12: Record censura exibição da festa no ao vivo e público se revolta

A Fazenda tem festa censurada Nesta sexta (18), teve mais uma festa em A Fazenda…

21 minutos Atrás

'A Fazenda 12' | Jojo Todynho abandona festa e vai dormir

Jojo Todynho abandona festa e vai dormir

33 minutos Atrás

'A Fazenda 12' | Jojo Todynho abandona festa e vai dormir

Jojo Todynho abandona festa e vai dormir

33 minutos Atrás

A Fazenda 12: Fernandinho Beatbox volta para A Fazenda e detona Luiza Ambiel: “Falsa”

Fernandinho Beatbox detonou peões de A Fazenda O artista Fernandinho Beatbox voltou a aparecer em…

53 minutos Atrás

70 anos da TV no Brasil: Globo Repórter relembra o início e pensa no futuro

No primeiro de dois programas especiais, nesta sexta (18), nossa equipe relembrou o que foi…

55 minutos Atrás

Audiência 18/08: Último capítulo de Fina Estampa explode no Ibope enquanto SBT e Record fracassam horrores

Confira em primeira mão a audiência dos principais canais de televisão como Globo, Record, SBT…

58 minutos Atrás

Se ficar o bicho morre

O Pantanal é um tratado de ciência política. O único lugar do mundo onde jacaré,…

1 hora Atrás

Whats Notícias, usa os cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.