Categorias: G1

Justiça autoriza que Santa Casa de Piracicaba use verba indenizatória para comprar testes de Covid-19

Valor destinado a hospital é fruto de um acordo do MPT com uma universidade privada. Santa Casa de Piracicaba: repasses para combate à pandemia Claudia Assencio/G1 A Justiça do Trabalho autorizou que a Santa Casa de Piracicaba (SP) use verba inde...


Valor destinado a hospital é fruto de um acordo do MPT com uma universidade privada. Santa Casa de Piracicaba: repasses para combate à pandemia Claudia Assencio/G1 A Justiça do Trabalho autorizou que a Santa Casa de Piracicaba (SP) use verba indenizatória de um acordo trabalhista para a compra de testes para a Covid-19. Os recursos foram destinados ao hospital pela Justiça do trabalho e são fruto de um acordo entre o Ministério Público do Trabalho (MPT) e uma universidade privada. Segundo o juiz do trabalho Firmino Alves de Lima, os testes devem ser utilizados preferencialmente nos profissionais de saúde envolvidos na luta contra a pandemia. A Procuradoria divulgou no início do mês que a Justiça destinou R$ 168,4 mil em verbas de acordos trabalhistas à Santa Casa da cidade, para o combate à pandemia do novo coronavírus. Os recursos são provenientes de ações movidas contra uma loja de brinquedos e a instituição de ensino. No caso da instituição de ensino, a ação foi movida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), em 2007, porque o mantenedor dela estava oferecendo o pagamento do 13º salário de 2006 aos funcionários mediante empréstimo consignado, segundo a Procuradoria. O acordo foi homologado em 2018 e R$ 130,9 mil do total foi destinado, agora, à Santa Casa da cidade. Já o acordo com a loja de brinquedos ocorreu em uma ação movida pelo Sindicato dos Empregados no Comércio de Piracicaba e o MPT entrou no processo como fiscal da lei, para verificar a legalidade do processo. O sindicato pedia que os trabalhadores da empresa tivessem direito a folga remunerada após seis dias consecutivos de trabalho. A juíza da ação sugeriu a destinação do valor indenizatório de R$ 37,4 mil para a Santa Casa da cidade e o MPT concordou. Verba será usada para compra de equipamentos e materiais necessários ao combate da Covid-19 na Santa Casa Divulgação/ Santa Casa de Piracicaba O montante deve ser utilizado, prioritariamente, para a aquisição de equipamentos de proteção individual (EPIs) para os profissionais de saúde, álcool em gel, respiradores e outros itens necessários para o enfrentamento da pandemia. De acordo com a Procuradoria do Trabalho, as partes processadas já depositaram o dinheiro em conta do judiciário e a Justiça autorizou a destinação. Atuação contra pandemia Com o aumento no número de pacientes com a Covid-19, hospitais da região responsáveis por atender este tipo de caso estão precisando de ajuda para manter o atendimento. Desde o início da pandemia, a Santa Casa de Piracicaba tem dificuldades de conseguir material para dar conta da demanda, que aumentou com os atendimentos. O hospital, que antes usava em média 100 máscaras por mês, agora precisa de 600. E o álcool em gel, fundamental para higienização, foi de 120 pra 600 litros por mês. A instituição tem 319 leitos e mais de 80% são destinados ao SUS. Nesse período de pandemia do coronavírus, a Santa Casa montou uma unidade com mais 29 leitos exclusivos para cuidar de pacientes com Covid-19. Além das doações, o hospital também tem uma campanha para doações de materiais e equipamentos, além de quantias em dinheiro. Initial plugin text Veja mais notícias da região no G1 Piracicaba

G1

Leia Também:
Compartilhar

Deixe seu comentário

Postagens recentes

Santa Cruz segura empate com Manaus na Arena da Amazônia e segue líder na Série C

Mesmo sem vencer, o Santa Cruz-PE manteve a liderança isolada do Grupo A do Campeonato…

29 minutos Atrás

Brasil passa de 4,5 milhões de casos de Covid

Levantamento do consórcio de veículos de imprensa registra 708 mortes por coronavírus em 24 horas.…

30 minutos Atrás

Whats Notícias, usa os cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.