Categorias: G1

PF pede prorrogação do inquérito que investiga suposta interferência política de Bolsonaro

No pedido ao STF, PF incluiu entre os próximos passos do inquérito ouvir o presidente da República. PF pede prorrogação do inquérito que investiga suposta interferência política de Bolsonaro Os agentes da Polícia Federal que apuram se Jair Bolsonaro ...

No pedido ao STF, PF incluiu entre os próximos passos do inquérito ouvir o presidente da República. PF pede prorrogação do inquérito que investiga suposta interferência política de Bolsonaro Os agentes da Polícia Federal que apuram se Jair Bolsonaro tentou interferir politicamente na PF querem analisar inquéritos que envolvem a família do presidente. Ao pedir mais prazo ao supremo, a Polícia Federal apontou a necessidade de aprofundar as investigações na Superintendência do Rio de Janeiro. As investigações começaram em abril, depois que Sergio Moro deixou o Ministério da Justiça. Ao sair, Moro disse que o presidente Jair Bolsonaro queria interferir nas investigações da Polícia Federal ao demitir o diretor-geral Maurício Valeixo e exigir a troca do superintendente da PF no Rio de Janeiro. O documento enviado ao Supremo Tribunal Federal lista uma série de diligências necessárias. A PF afirmou que "é preciso finalizar a elaboração de relatório de análise de material apreendido acerca das mensagens trocadas por Sérgio Fernando Moro com o presidente da República e com a deputada federal Carla Zambelli. Horas antes da reunião ministerial do dia 22 de abril, Bolsonaro escreveu: “Moro, o Valeixo sai nessa semana. Isto está decidido. Você pode dizer apenas a forma. A pedido ou ex ofício". No documento entregue ao Supremo Tribunal Federal, a PF deixou claro a necessidade de aprofundar a investigação na Superintendência do Rio de Janeiro, onde paira uma das suspeitas de interferência de Bolsonaro na Polícia Federal. Os agentes querem analisar inquéritos que envolvem a família do presidente. A PF explica que está pendente de atendimento o ofício encaminhado à Zona Eleitoral do Rio de Janeiro solicitando que se prestassem informações a respeito da situação do inquérito instaurado para se investigar eventuais crimes eleitorais por parte de familiares do presidente da República. Flávio Bolsonaro, filho do presidente, foi alvo de uma investigação eleitoral, já relatada pela PF, e que trata do suposto enriquecimento ilícito do hoje senador, em especial no ramo imobiliário. Flávio não chegou a ser indiciado e o inquérito foi encaminhado para a Justiça Eleitoral. O Ministério Público Eleitoral vai manter a investigação. Os investigadores ainda esperam informações sobre a troca na segurança pessoal do presidente e de seus familiares. O Jornal Nacional mostrou que um mês antes da reunião ministerial em que o presidente reclamou que não consegue trocar ninguém, o chefe do departamento de segurança foi substituído pelo segundo na hierarquia. E o responsável pelo escritório do Rio também havia sido trocado. Os agentes pediram também relatórios de produtividade da Polícia Federal no Rio, objeto de críticas do presidente negadas pela PF; e cópia do inquérito da PF do Rio para apurar a suspeita de vazamento da operação Furna da Onça. Por fim, a Polícia Federal afirma que "para adequada instrução das investigações, mostra-se necessária a realização da oitiva [depoimento] do presidente da República Jair Messias Bolsonaro a respeito dos fatos apurados". O ministro Celso de Mello, relator do inquérito no Supremo, enviou o pedido de prorrogação para o procurador-geral da República, Augusto Aras, analisar.

G1

Leia Também:
Compartilhar

Deixe seu comentário

Postagens recentes

Grêmio ‘desafoga’ campanha na Libertadores com vitória no Gre-Nal

Fazendo a sua 100ª partida com a camisa do Tricolor, saiu dos pés de Pepê…

12 minutos Atrás

Palmeiras empata no Paraguai e encaminha vaga na Libertadores

Verdão fica na igualdade sem gols diante do Guaraní, no Defensores del Chaco, e precisa…

13 minutos Atrás

Invicto desde o título mundial, Italo Ferreira vence exibição na França

Invicto desde o título mundial conquistado em dezembro do ano passado, o surfista brasileiro Italo…

15 minutos Atrás

Filme amazonense ‘O Barco e o Rio’ estreia no festival de Gramado nesta quinta

Representando o Amazonas no 48º Festival de Cinema de Gramado, que este ano acontece em…

17 minutos Atrás

Após deixar o São Paulo, zagueiro Anderson Martins vira reforço do Bahia

Um mês após rescindir seu contrato com o São Paulo, o zagueiro Anderson Martins acertou…

20 minutos Atrás

Influencer Rafaela Bellucci ensina como ganhar dinheiro com aplicativos

A Digital Influencer Rafaela Bellucci, faz o maior sucesso com seus seguidores nas redes sociais,…

20 minutos Atrás

The Undoing: Nicole Kidman é suspeita de assassinato em trailer legendado

A HBO divulgou o trailer completo legendado da minissérie de suspense "The Undoing", que volta…

24 minutos Atrás

PM investiga ações de militares em outros registros de agressões durante abordagens no AP

Casos filmados mostram pessoas alvos de abordagens levando tapas. Um dos fatos é apurado pela…

29 minutos Atrás

Whats Notícias, usa os cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.