Categorias: G1

Taxa de ocupação dos leitos de terapia intensiva em Natal é de quase 100%

De acordo com o boletim da Secretaria de Saúde do estado divulgado neste sábado (30), o Rio Grande do Norte teve o maior número de casos registrados em 24 horas. A fila por um leito de UTI também subiu. Taxa de ocupação dos leitos de terapia intensi...

De acordo com o boletim da Secretaria de Saúde do estado divulgado neste sábado (30), o Rio Grande do Norte teve o maior número de casos registrados em 24 horas. A fila por um leito de UTI também subiu. Taxa de ocupação dos leitos de terapia intensiva em Natal é de quase 100% O Rio Grande do Norte viveu o caos da espera por uma vaga em unidade de terapia intensiva. A taxa de ocupação dos leitos da região metropolitana de Natal é de quase 100%. Na madrugada de sexta-feira (29), a família comemorou a vaga no hospital de campanha do município, depois de três dias de espera. “Três horas e 20 minutos, enfim agora Dona Zeneide vai ser transferida para o hospital, para o leito de UTI”, diz um familiar. Vinte e quatro horas depois, Dona Zeneide não resistiu e morreu. "Ela teve duas paradas cardíacas. Na primeira, os médicos conseguiram ressuscitá-la. Na segunda não deu mais”, conta um familiar. De acordo com o boletim da Secretaria de Saúde do estado, divulgado neste sábado (30), o Rio Grande do Norte teve o maior número de casos registrados em 24 horas. Foram 939. No total são 7.402 mil e 305 mortes. De sexta (29) para sábado (30), a fila por um leito de UTI também subiu de 81 para 103 pacientes, 41 em estado grave. Seu Antônio, de 70 anos, está na fila há quatro dias. “Eu perguntei ao médico qual a possibilidade dele ser transferido para algum leito, ele falou pra mim que está difícil, mas está tentando e os dias passando e cada vez ficando pior”, fala o filho de Antônio, Vilanir Ferreira. Edineide teve bebê na última quarta-feira (27) e ainda não saiu da sala de cirurgia porque não tem vaga na UTI. "A gente pede para que as autoridades tomem providência, faça alguma coisa antes que seja tarde, né? Enquanto ela está com vida, está lutando pela vida, a gente está aqui sem poder fazer nada", diz o marido, Geovan Teixeira da Silva. "Não temos como criar leitos da noite para o dia diante de situações que são dramáticas para as famílias, sabemos disso. Mas não podemos fazer outro juízo porque nem as decisões judiciais, elas podem desconsiderar isso", diz o secretário de Saúde do RN, Cipriano Maia. A taxa de ocupação na rede pública, da região metropolitana de Natal, hoje é de 97%. “Se as medidas de isolamento social não forem realmente implantadas e adotadas por toda a população, infelizmente essas taxas de ocupação, elas tendem a aumentar porque nós estamos num ritmo ficando mais acelerado dessa taxa de transmissibilidade", diz a subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica, Alessandra Luchesi.

G1

Leia Também:
Compartilhar

Deixe seu comentário

Postagens recentes

LGPD já está em vigor

5 minutos Atrás

Whats Notícias, usa os cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.